Ano 30 DC – 14 de Nisan – quarta-feira – início do julgamento de Pilatos

Conforme o relato de João, o julgamento de Jesus perante Pilatos começou às 6 horas da manhã: ” E era a preparação da páscoa, e quase à hora sexta; e disse aos judeus: Eis aqui o vosso Rei. (João 19:14)

Este é outro texto que deixa claro o dia da crucificação, 14 de Nisan, dia da Preparação da Páscoa.

João usa aqui, diferentemente de Marcos, o horário romano, onde o dia, igual à nossa forma de contar o tempo, se inicia à meia noite.

Pilatos, não vendo em Jesus crime algum, ouvindo dizer que era Galileu, e sabendo que Herodes, tetrarca da Galileia se encontrava em Jerusalém por causa da semana da Páscoa, enviou-lhe Jesus para que ele o julgasse. Também Herodes, não podendo culpar Jesus de coisa alguma o devolveu a Pilatos. (Lucas 23:6-12)

Pilatos insistiu na inocência de Jesus certo de que propondo o indulto da Páscoa, onde por tradição o governador soltava um judeu, certamente Jesus seria solto em detrimento a Barrabás, mas o povo preferiu sua morte.

Mateus 27:24-25 reporta que Pilatos vendo crescer o tumulto lavou suas mãos dizendo-se inocente do sangue de Jesus e o entregou à morte. O mesmo texto destaca a resposta do povo diante da hesitação de Pilatos: “o seu sangue caia sobre nós e sobre nossos filhos”. As duas coisas teriam repercussão eterna: lavo as mãos é uma expressão utilizada até os dias de hoje. Quanto à maldição imprecada pelos judeus sobre eles próprios e seus filhos a própria história cuidou de mostrar o seu efeito.

Jesus foi condenado à MORTE. Seu crime, conforme João 19:7, reside na sentença de Caifás: “Nós temos uma Lei e, segundo a nossa Lei, deve morrer, porque se fez Filho de Deus.”

Anúncios

8 comentários

Filed under Uncategorized

8 responses to “Ano 30 DC – 14 de Nisan – quarta-feira – início do julgamento de Pilatos

  1. Pingback: Índice | Cronologia da Bíblia

  2. A Paz de Cristo!!
    E era a preparação da páscoa, e quase à hora sexta; e disse aos judeus: Eis aqui o vosso Rei. (João 19:14),
    Irmãohá um lapso quanto ao horario, vejamos:Terceira hora (nove horas da manha) cf Mt 20.3) Perto da hora sexta e da nona ( ao meio dia e as tres horas da tarde) cf Mt 20.5 e por ultimo e hora undecima (por volta das cinco da tarde) cf Mt 20.6, portanto Jesus foi apresentado as 3 horas da tarde, pois esta foi a segunda audiencia,visto que Pilatos enviara Jesus a Herodes. Cf Mateus 27.1

  3. Olá, meu irmão José Carlos,
    Veja que os evangelhos sinóticos se valem da maneira judaica de contar as horas (começando às 18 horas) enquanto João se vale da maneira romana (começando à meia noite), a mesma que usamos. Nos artigos anteriores a este há alguns comentários a este respeito. Se puder ler, diga se concorda ou não.

    Grato pelo cometário.

    • Amado irmao em Cristo
      Veja bem:
      VIGILIA- Os Israelitas dividiam a noite em 3 vigilias,sendo cada uma de 4 horas(JZ 7,19);e os romanos a dividiam em 4 vigilias,com 3 horas cada uma (Mt 14,25),

      HORA1/12 do dia e 1/12 da noite;a extensao da hora variava de acordo com a estação do ano.As horas do dia eram contadas a partir do nascer do sol e as da noite,a partir do por do sól Cf Mt 20,3

      NOITE 12 horas,do por do sol até o seu nascer Cf Gn 7,4

      DIA 12 horas,do nascer ao por do sol Cf Gn7,4; 24 horas de um por do sol ate outro cf Ex 20,8.11

      Portanto Divisão do dia no sistema Judaico
      Primeira vigilia 18h as 22h Cf. Lm 2,19
      Inicio do dia;Sacrificio da tarde(no AT) Cf 1Rs 18,36; At 3,1
      Segunda Vigilia (da meia noite) 22h as 2h Cf Jz 7,1; Lc 12,38
      Terceira vigilia(da manha ou a Ultima) 2h as 6h Cf Ex14,24; Lc 12,38
      Sacrificio da Manhã 6h Cf Ex 29,39
      Hora terceira 9h Mc 15,25
      Hora sexta 12h Cf Mt 27,45; Jo 19,14
      Hora Nona 15h Cf Mt 27,45
      Hora nona da oração;Sacrificio da tarde (no NT) 15h Cf At 3,1

      Divisão do dia no sistema Romano:
      Inicio do dia 0h sem referencia
      Terceira vigilia(ou do canto do galo) 0h ás 3h Cf Mc13,35;Lc 12,38
      Quarta vigilia(ou da amanha) 3h ás 6h Cf Mc 13,35
      Dia (dividido em 12 horas) 6h ás 18h Cf Jo 11,9
      Primeira vigilia ( ou do anoitecer) 18h ás 21h Cf Mc 13,35
      Segunda vigilia (ou meia noite) 21h ás 0h Cf Mc13,35; Lc 12,38

      Com esta analize a luz da biblia concluimos o julgamento de Jesus perante Pilatos começou proximo ao 1/2 dia da manhã: no sistema judaico e não o romano.
      Pois voce mesmo diz em seu texto”
      “Jesus foi condenado à MORTE. Seu crime, conforme João 19:7, reside na sentença de Caifás: “Nós temos uma Lei e, segundo a nossa Lei, deve morrer, porque se fez Filho de Deus.”

      CONCLUSÃO: a Morte de Cristo foi no SISTEMA JUDAICO

      Graça e Paz.

      :

  4. Meu irmão,
    Pelo que entendi, você sugere que Jesus esteve perante Pilatos, na segunda audiência, às 15 horas, certo?

    Mas se for assim, como ficaria, conforme as tuas próprias citações, o horário da crucificação de Jesus, que tanto conforme Mateus e João ocorreu às 12 horas? Seria então às 12 horas do dia seguinte? Não teria como ser assim.

    Jesus foi preso, julgado e crucificado em 24 horas, em um dia. Este dia, conforme o uso judaico, começa por volta das 18 horas. Jesus foi preso à noite, interrogado até o amanhacer, compareceu perante Pilatos na primeira audiência às 6 horas da manhã, foi crucificado ao meio dia e morreu às 15 horas. Em resumo é isto que escrevi.

    Pelo que entendo, as citações que faz sobre a parábola dos trabalhadores tem por objetivo comprovar o uso do horário pelos judeus, certo? É isto que você quis dizer com a sua conclusão? CONCLUSÃO: a Morte de Cristo foi no SISTEMA JUDAICO

    A tua crítica é pelo fato de eu converter o horário judaico para o nosso? Se for isto acho que estamos falando a mesma coisa. Se não for isto não entendi.

    Mateus 20:3 – 3 “E, saindo perto da hora terceira, viu outros que estavam ociosos na praça” – refere-se à parábola dos trabalhadores e não à crucificação.

    Hora sexta 12h Cf Mt 27,45 E desde a hora sexta houve trevas sobre toda a terra, até à hora nona; das 12 às 15 hs – horario entre a cucificação e morte de Jesus.

    Jo 19,14 E era a preparação da páscoa, e quase à hora sexta; e disse aos judeus: Eis aqui o vosso Rei. 12 hs – horário da crucificação de Jesus

    Mt 20:6 fala da parábola dos trabalhadores – “E, saindo perto da hora undécima, encontrou outros que estavam ociosos, e perguntou-lhes: Por que estais ociosos todo o dia?”

  5. Sua citação.
    “Conforme o relato de João, o julgamento de Jesus perante Pilatos começou às 6 horas da manhã: ” E era a preparação da páscoa, e quase à hora sexta; e disse aos judeus: Eis aqui o vosso Rei. (João 19:14)”

    Resposta de um seu e-mail anterior a uma observação de minha parte(desconsiderar segunda audiência, às 15 horas) erro ao digitar.)

    Olá, meu irmão José Carlos,
    Veja que os evangelhos sinóticos se valem da maneira judaica de contar as horas (começando às 18 horas) enquanto João se vale da maneira romana (começando à meia noite), a mesma que usamos. Nos artigos anteriores a este há alguns comentários a este respeito. Se puder ler, diga se concorda ou não.

    Agora sim escrevemos a mesma lingua!!!.

    Eu estava entendo que voce estava querendo dizer que a hora sexta é equivalente as 6 h da manha. e que todo o julgamento estava sendo realizado no processo romano.

    Fechamos com chave de ouro a sua citação ” Jesus foi preso, julgado e crucificado em 24 horas, em um dia. Este dia, conforme o uso judaico, começa por volta das 18 horas. Jesus foi preso à noite, interrogado até o amanhacer, compareceu perante Pilatos na primeira audiência às 6 horas da manhã, foi crucificado ao meio dia e morreu às 15 horas. Em resumo é isto que escrevi.”

    Conheci seu blog coloquei aos favoritos, com sua permissao irei repassar a futuros interessados,visto muitos perolas preciosas para nos encher de riquezas e conhecimentos espirituais.

    Jeova continue a usar a sua mente e aguardaremos futuros ‘posts”

    Me perdoe alguma falta de entedimento de minha parte.mas temos quer ser iguais aos irmaos Bereianos.

    Forte abraço.

    Atos 17.10,11
    “E logo os irmãos enviaram de noite Paulo e Silas a Beréia; e eles, chegando lá, foram à sinagoga dos judeus.

    Ora, estes foram mais nobres do que os que estavam em Tessalônica, porque de bom grado receberam a palavra, examinando cada dia nas Escrituras se estas coisas eram assim.

  6. Jose Fabbri

    Verdade, José Carlos.
    Grato pela atenção, meu irmão, fica na paz.

  7. Claudemir Andrade Lucas

    Ei !!!! voçes dois expondo as mesma ideias sobre o julgamento do Senhor ,parabens pelo estudo sobre o assunto e tambem pelo comentario do irmão Jose Carlos. Que o Senhor Jesus derrame uma benção especial na vida dos irmãos fiquem na paz do Senhor Jesus aleluia!!!!