O reinado de Cambises

537 AC a 529 AC – início de governo e morte de Cambises
Cambises, filho de Ciro, não é mencionado na Bíblia. Seu reinado é ignorado, subentendendo-se que em seus oito anos de governo as obras de reconstrução do templo ficaram paralisadas.

Diferentemente de seu pai, a história o reconhece como uma pessoa de má índole, que matou o irmão no início de seu governo e num ataque de fúria matou noutra ocasião sua própria irmà grávida, Roxana, com quem era casado.

Conquistou o Egito e empreendeu uma campanha fracassada na conquista da África. Ao retornar desta campanha para a Babilônia, morreu em algum ponto provável da Síria. Foi acompanhado nesta viagem por um de seus generais, Dario, que viria a ser seu substito.

Dario registrou a respeito da morte de Cambises uma frase deveras interessante: “Ele morreu sua própria morte”, o que para alguns pode significar que houvesse se suicidado. Heródoto, no entanto, sugere que Cambises feriu-se com sua própria espada ao montar seu cavalo.

O capítulo 4 de Esdras dá a entender a muitos que Cambises seria o rei Artaxerxes referido no verso 7, a quem é endereçada uma carta de oposição aos judeus empenhados na reconstrução de Jerusalém.

No entanto, se observarmos atentamente, a carta faz menção à reconstrução dos muros da cidade, e é endereçada ao rei Artaxerxes que reinará na sequência de Dario, o Grande, e Xerxes I, o rei Assuero do Livro de Ester.

No capítulo 4 (Ed 4) a questão em foco são os que atrapalham a reconstrução do Templo, e não o muro de Jerusalém. O redator, neste capítulo, relata três problemas distintos que os judeus tiveram com o povo que habitava na terra por ocasião de seu retorno:

1 – os adversários que atrapalham na reconstrução do Templo (Ed 4:1-5);

2 – os acontecimentos referentes ao tempo de Ester (Ed 4:6), quando Hamã pede a condenação de todos os judeus à morte;

3 – a interrupção da reconstrução dos muros de Jerusalém nos tempos de Artaxerxes I, o mesmo que irá determinar sua continuidade, conforme relata o Livro de Neemias.

6 comentários

Filed under Uncategorized

6 responses to “O reinado de Cambises

  1. Pingback: Índice (clique para acessar) | Cronologia da Bíblia

  2. Matheus Carvalho

    Não entendi. Em Esdras 4 o foco está na reconstrução do templo. Então por que são citados Xerxes e Artaxerxes como mandantes das paralisações da obra por treze anos? Afinal, esses dois reis só reinaram depois de Dario, que faleceu em 493 a.C..
    Aguardo uma resposta, mas desde já agradeço, pois o trabalho que fazem é muito esclarecedor para quem gosta de estudar a Bíblia. Abraços e fiquem com Deus!

  3. OI Mateus, tudo certo?

    Esdras 4 não coloca a reconstrução do Templo em foco, apenas como um dos assuntos tratados no capítulo. Veja que o verso 5 menciona Ciro e Dario (Dario I); o verso 6 menciona Assuero (Ester); do verso 7 em diante Artaxerxes é mencionado, onde o assunto são os muros. O capítulo trata dos que atrapalharam os judeus de alguma forma, não só na reconstrução do Templo.

    Os editores das bíblias geralmente colocam uma manchete no início dos capítulos, o que ajuda, as vezes, e outras atrapalha. Neste caso atrapalha porque o assunto do capítulo não é este e não está em ordem cronológica.

    Abraço.

  4. irineu31

    Eu gostaria de saber, uma vez que não encontrei essa resposta nos estudos publicados, quem foi o Rei que atuou entre o reinado de Dario o Medo, e o reinado de Cambises. Veja que praticamente em todo o período do reinado desse Rei, as obras da Casa do Senhor esteve paralisada, e isso passando pelo reinado todo de Cambises até o reinado de Dario I.

    Pensei até na possibilidade do próprio Ciro uma vez que Cambises reinou só depois da sua morte, porém isso seria impossível porque as obras da Casa do Senhor não poderia de maneira nenhuma ser interrompida durante o seu reinado.

    Se os Senhores puderem me esclarecer, agradeceria.

    Abraços

    Tarcila Elias

  5. Oi, Tarsila. Veja o seguinte:
    As obras de reconstrução do Templo foram retomadas no primeiro ano do governo de Dario I.

    O primeiro ano de Dario coincide com o ultimo de Cambises. Este ano conta como tempo para os dois.

    Antes de Dario reinou Cambises por oito anos. Nestes oito anos as obras estiveram interrompidas.

    Antes de Cambises reinou Ciro. O último ano de Ciro é o primeiro ano de Cambises.

    Temos, portanto, que Zorobabel trabalhou três anos desde seu retorno até as obras serem interrompidas, mas mesmo nestes três anos foi atrapalhado pelos inimigos dos judeus.

    Desde o retorno de Zorobabel até a morte de Ciro foram sete anos. Destes sete, em quatro não houve trabalho no Templo, e nos três anteriores os trabalhos foram lentos, pois desde o princípio houve oposição.

    É fato que a ordem para reconstrução veio de Ciro, mas mesmo assim gradativamente os trabalhos foram sendo interrompidos.

    É preciso lembrar que quando Ciro tomou a Babilônia ele libertou não só os judeus como também os demais povos, dando o mesmo direito a todos de retornar às suas terras e levar consigo as riquezas tomadas pelos babilônios.

    Ao mesmo tempo em que a comunicação era lenta, nem tampouco alguém comunicou nada a Ciro.

  6. Tarcila Elias

    Grata pelo retorno e pela explicação. Eu realmente achei que Ciro estivesse nesse período, só não conseguia entender o fato de que a obra da Casa do Senhor que ele autorizou que fosse feita, essa mesma obra fosse paralisada no seu reinado. Mas faz sentido, e é bem provável que tenha sido assim.

    Agradecida e fiquem com Deus.