Oséias – 19º rei de Israel – 9 anos – 730 AC a 722 AC

Anno Mundi 3166 a 3174 A.M. – (2 Rs 15:30 e 2 Rs 17:1)

Referência Bíblica
“No ano duodécimo de Acaz, rei de Judá, começou a reinar Oséias, filho de Elá, e reinou sobre Israel, em Samaria, nove anos.” (2 Rs 17:1)

Oséias é o 19º e último rei de Israel. Em seu 7º ano de reinado, Salmaneser, rei da Assíria, sitiou a Samaria e combateu contra ela por três anos até que a tomou no 9º ano de Oseias e levou todo o povo cativo para o exílio.

Trouxe para lá, em lugar dos que levara, de acordo com 2 Rs 17:24, povos da Babilônia, para habitar a Samaria. Entre os povos relacionados no texto bíblico, gente de “Cuta, de Ava, de Hamate e Sefarvaim”, dos quais convém destacar os de Cuta.

Deviam ser os mais proeminentes entre todos os que vieram, pois Flavio Josefo os destaca como sendo os chutenses, povo de Chut, uma província da Pérsia que tem este nome por estar às margens de um rio com o mesmo nome. Josefo sempre que se refere à gente da Samaria os chama de chutenses. (História dos Hebreus, Vol. 3, Pag. 217).

Datas
1 – Há duas referências distintas para o início de Oséias: 2 Rs 15:30 nos informa que foi no 20º ano de Jotão, e 2 Rs 17:1 que foi no 12º de Acaz.

2 – Temos, portanto, que o 20º ano de Jotão e o 12º de Acaz são o mesmo ano, referindo-se desta maneira ao Anno Mundi 3166.

3 – Se 3166 equivale ao 1º ano de Oséias, sabemos desta forma que ele veio a reinar até o Anno Mundi 3174 na queda da Samaria.

Co-regência Peca – Oséias – 4 anos – 730 AC a 727 AC
1 – A intersecção das datas de Peca e Oséias nos revelam que co-reinaram por 4 anos.

2 – De acordo com 2 Rs 15: 29 “Nos dias de Peca, rei de Israel, veio Tiglate-Pileser, rei da Assíria, e tomou a Ljom, a Abel-Bete-Maaca, a Janoa, e a Quedes, a Hazor, a Gileade, e a Galiléia, e a toda a terra de Naftali, e os levou à Assíria.”

Este fato ocorreu por volta do 17º ano de Peca, e é a provável razão pela qual Peca concordou em ceder a co-regência de Israel para Oséias, governando com este por 4 anos.

3 – O verso 30 de 2 Rs nos diz que “Oséias, filho de Elá, conspirou contra Peca, filho de Remalias, e o feriu, e o matou, e reinou em seu lugar, no vigésimo ano de Jotão, filho de Uzias.”

4- Acaz assume no ano 17 de Peca, que seria o 16º e último ano de Jotão, seu pai.

5 – Como vimos, Jotão reinou um total de 20 anos, sendo 4 com Uzias e 16 sozinho. São, portanto, os anos 16 e 20 de Jotão o mesmo ano e também, por sincronismo, o 17º ano de Peca.

6 – Sendo este ano o 20º de Jotão, é por conseguinte o ano em que Oseias iniciou seu reinado de 9 anos.

7 – Temos, portanto, que no mesmo ano, morreu Jotão, sendo sucedido por Acaz em Judá, e em Israel Oséias começou a co-reinar com Peca em seu 17º ano.

8 – Embora pareça uma situação complicada, é absolutamente exata, pois as datas expostas estão sincronizadas a partir do ano 52 de Azarias, o que não deixa margem para erro ou outra alternativa de sincronismo do governo de Oséias.

9 – Tentando sincronizar o início de Oséias com o 20º ano de Peca, faz cancelar os 4 anos de co-reinado de Jotão com Azarias, bem como estende o reinado de Jotão para vinte anos sem os 4 de co-regência com seu pai.

Anúncios

1 Comentário

Filed under Uncategorized

One response to “Oséias – 19º rei de Israel – 9 anos – 730 AC a 722 AC

  1. Pingback: Índice (clique para acessar) | Cronologia da Bíblia