De Babel até a morte de Noé

morte de noe

1900 AC – (Anno Mundi 1996) – morte de Pelegue e Babel

Em Gn 11:19 lê-se que “viveu Pelegue, depois que gerou a Reú, duzentos e nove anos, e gerou filhos e filhas”, o que coloca a morte de Pelegue no Anno Mundi 1996, somando-se seus anos de vida ao seu ano de nascimento (1757 + 209).

Torre de Babel – Bruegel

Vejamos agora o que a narrativa complementar sobre o nascimento de Pelegue nos tem a dizer, conforme Gn 10:25-29: “E a Éber nasceram dois filhos: o nome de um foi Pelegue, porquanto em seus dias se repartiu a terra, e o nome do seu irmão foi Joctã. E Joctã gerou a Almodá, a Selefe, a Hazarmavé, a Jerá, a Hadorão, a Usal, a Dicla, a Obal, a Abimael, a Sebá, a Ofir, a Havilá e a Jobabe; todos estes foram filhos de Joctã”.

Diz a Bíblia que nos dias de Pelegue a terra foi repartida, o que veio a acontecer por causa da confusão de línguas em Babel. Sabemos, portanto, que Babel aconteceu nos dias de Pelegue.

No entanto, Pelegue viveu duzentos e nove anos e poder-se-ia dizer que Babel teria acontecido em qualquer um deles, mas não, se levarmos em conta que o narrador bíblico nos apontou a data de Babel com exatidão, sobrando, portanto, duas possibilidades, o ano de nascimento de Pelegue ou o de sua morte.

De acordo com a Seder Olam Rabbah, o Rabi Yose datou Babel no ano da morte de Pelegue pela razão de o redator estar fazendo um sumário da vida de Pelegue, onde inclui o fato de seu irmão mais novo, Joctã, conforme o relato bíblico, haver gerado treze filhos, o que torna impossível estar se referindo ao nascimento de Pelegue, mas sim à sua morte. Temos, portanto, que Babel aconteceu no Anno Mundi de 1996, ano da morte de Pelegue.

O Talmude atribui a Eber, pai de Pelegue, a qualificação de grande profeta de Deus, pois deu a seu filho mais velho o nome de Pelegue, que significa “divisão”, referindo-se ao fato de que nos dias de Pelegue a terra seria dividida (Gn 10:25).

Faz sentido a referência, ainda mais se notarmos o significado do nome do outro filho de Eber, Joctã, que significa “encurtar”. Lembremos que em Gn 6:3, conforme o comentário que fazemos no contexto da análise da data do dilúvio, que Deus decide diminuir o tempo de vida dos homens, e este fato pôde ser percebido por Eber nos dias em que gerou seus filhos, pois era evidente que os homens já não viviam o mesmo tempo de seus ancestrais.

Algo tinha de fato acontecido. Arfaxade, o primeiro a nascer depois do dilúvio, permanecerá vivo depois da morte das gerações posteriores a ele, entre os quais, Pelegue e Joctã. Faremos outros comentários a respeito da mudança dos padrões de idade dos homens após o dilúvio mais adiante, quando tratarmos da morte de Arfaxade no Anno Mundi 2096.

1899 AC – (Anno Mundi 1997) – morte de Naor, avô de Abrão
No Anno Mundi de 1997, conforme Gn 11:25, Naor, avô de Abraão, morreu aos 148 anos de idade: “E viveu Naor, depois que gerou a Tera, cento e dezenove anos, e gerou filhos e filhas” (1878 + 119).

1898 AC – (Anno Mundi 1998) – morte de Harã, irmão de Abrão
Este fato não é mencionado na Bíblia. No Anno Mundi de 1998, conforme Jasher 12:37: “E Harã era de oitenta e dois anos de idade quando morreu no fogo de Casdim, resultado de (1916 + 82).

1898 AC – (Anno Mundi 1998) – Tera parte para Harã
Em Gn 11:31 lê-se: “E tomou Tera a Abrão seu filho, e a Ló, filho de Harã, filho de seu filho, e a Sarai sua nora, mulher de seu filho Abrão, e saiu com eles de Ur dos caldeus, para ir à terra de Canaã; e vieram até Harã, e habitaram ali”.

A data da ida da família de Tera para Harã é incerta. Pelas informações de Gênesis não se pode datar com precisão pois há um longo período de mais de vinte anos em que poderia ter acontecido.

No entanto, fixamos o Anno Mundi 1998 (1.948 + 50) de acordo com as informações do capítulo 13 do Livro de Jasher (que comentaremos adiante), que informa que Abrão teria 50 anos de idade quando a família deixou Ur em direção a Canaã, vindo a se estabelecer no meio do caminho, em Harã.

Um dos motivos que poderia justificar a parada da família em Harã teria sido a necessidade de recompor o grande rebanho que a família possuía, por se tratar de uma região muito fértil e com boas pastagens.

1890 AC – (Anno Mundi 2006) – morte de Noé
Noé veio a falecer anos depois, no Anno Mundi 2006, aos 950 anos de idade, conforme Gn 9:29 que nos diz que “foram todos os dias de Noé novecentos e cinqüenta anos, e morreu”. (1056 + 950). Noé viveu por mais 350 anos depois do dilúvio.

Temos aqui uma constatação interessante: Abraão foi contemporâneo de Noé por 58 anos, entre os anos 1948 A.M, ano de seu nascimento e 2006 A.M., ano da morte de Noé. De acordo com o Livro de Jasher, Abraão conviveu com Noé por longo tempo, dos 10 aos 49 anos de idade, de quem aprendeu sobre as coisas de Deus.

10 comentários

Filed under Uncategorized

10 responses to “De Babel até a morte de Noé

  1. Pingback: Índice | Cronologia da Bíblia

  2. george

    pura heresia…. se abraão foi contemporaneo de noé, implica dizer que ele morreu no diluvio, o que afasta definitivamente a origem dos hebreus.

  3. Olá, George; veja que Noé não morreu no dilúvio, mas 350 anos após o acontecimento. A data é segura e bíblica. Foram contemporâneos por 58 anos.

    Abc.

  4. Pingback: CRONOLOGIA -7 DE BABEL A MORTE DE NOÉ | jessedejesus

  5. Pingback: CRONOLOGIA -8 A PROMESSA A ABRAÃO | jessedejesus

  6. Você já leu esse texto sobre a história de Ninrode? Está circulando pela net, é no mínimo curioso. O problema é que em nenhum lugar cita a fonte.

    http://www.papocristao.com/2011/01/historia-de-ninrode.html

  7. Oi Ozéias,
    Não conhecia este texto, mas de fato a conclusão está certa, uma vez que a colocação de Maria no patamar onde o catolicismo romano a coloca tem mesmo esta intenção.

    A raíz disto é o paganismo antigo, e o catolicismo usa a mesma técnica que praticam os que acham que em time que está ganhando não se mexe: o sincretismo religioso católico moldou todas as religiões pagãs em uma só.

    Tem um livro muito bom sobre o assunto: Babilônia: a religião dos mistérios, de autoria de Ralph Woodrow, que foi publicado em português por volta de 82/83, mas achei aqui que a Saraiva tem no catálogo. Se te interessar procura com eles … http://www.livrariasaraiva.com.br/produto/2840025/babilonia-misterio-religioso

    Também é possível fazer downlod do livro em espanhol e inglês. Este aqui está em espanhol: http://infonom.com.ar/babilonia.pdf

  8. Ozéias

    Obrigado pela indicação🙂
    vou comprar esse livro

    Você tem o Livro de Jasher em português no formato pdf?
    Eu não achei esse livro em nenhum lugar, nem a venda nem para download.
    Se você tiver e quiser me mandar, me manda nesse e-mail

    ozeias@unochapeco.edu.br

    abraços

  9. Rodrigo

    O talmude fala que o nome Pelegue faz referência sobre a divisão de babel?
    Já li sobre uma teoria dizendo que Pelegue, como nasceu 101 anos após o dilúvio, significaria divisão porque nesse período o continente pangeia estava sendo dividido. É apenas conjectura , mas o que pensa sobre isso?
    E parabéns pelo blog, de excelênte qualidade.

  10. Júnior almeida

    Não entendi essa constatação…..